CONTATO: +55 (31) 99639-3137 •
CONTATO@CLUBPETRO.COM.BR

Postos Pires atingem 78% das vendas fidelizadas em 2016

Como se trata de um produto não durável, necessário e de constante consumo, conquistar o cliente de combustíveis não é apenas cadastrá-lo e esperar que o mesmo retorne sem que perceba vantagens. Foi pensando nisso que o Grupo Família Pires, com quatro postos de combustíveis no interior de Minas Gerais, implantou em todas as unidades um programa de fidelidade próprio para postos de combustíveis e satisfatório tanto para o negócio como para os clientes fidelizados, que pontuam, acumulam e trocam seus pontos por serviços e produtos nos próprios postos ou em parceiros como salões de beleza, cinemas, espaço kids e outros. Hoje, a empresa conta com mais de 57.000 clientes fiéis e apresenta como resultado o aumento significativo no volume de vendas e na rentabilidade do posto, já que com a fidelização o cliente retorna em média 56% mais vezes e tem um ticket-médio maior.                 
Para Ricardo Pires, administrador dos postos de combustíveis do Grupo, a fidelização dos clientes foi uma boa ação para os negócios, além de permitir conhecimento sobre seus consumidores e criação de estratégias de vendas segmentadas. "Com a implantação do software de fidelização específico para postos de combustíveis, recebemos relatórios mensais com resultados pertinentes e que nos ajudam na atuação direta aos clientes cadastrados e que por algum motivo estão sem retornar aos postos, por exemplo. Investimos também em treinamentos específicos e incentivos aos frentistas, que percebem a importância do bom atendimento e do retorno constante do cliente fidelizado". 
O software a que Ricardo cita é fornecido pela empresa ClienteVip Fidelidade. Através dele, o revendedor tem total controle dos dados referentes ao seu posto, acesso à criação de campanhas específicas tanto para clientes inativos como para datas comemorativas, por exemplo; além do acesso total ao banco de dados de cadastrados, ou seja, o banco de dados é do revendedor e não da distribuidora. 
"Os consumidores hoje estão cada vez mais exigentes e não é diferente em se tratando de postos de combustíveis. Oferecer apenas bons serviços já não é o bastante para que este consumidor retorne aos postos. O bom serviço precisa estar atrelado ao ganho real pelo consumidor - como as trocas dos pontos por produtos e ou serviços - além de retorno também aos revendedores", finaliza Ricardo.

© 2017 ClubPetro. Todos os direitos reservados.